Desperte a criança interior que existe em você!

Você já ouviu falar em criança interior? Geralmente a gente tem uma noção do que se trata, mas poucas pessoas conhecem profundamente o significado do termo ou a importância que ele tem. É algo que pode influenciar diretamente na maneira como você enxerga o mundo e se relaciona com outras pessoas. Ou seja, uma coisa que pode transformar as suas ações e seus resultados, melhorando todas as áreas da vida.

 

desperte_a_criança_interior

Desperte a criança interior e traga à tona a a capacidade de se alegrar até com as coisas mais simples. Como a criança que ama brincar com a caixa de papelão que embala o brinquedo caro! 

 

O que é criança interior? 

Ser criança feliz

É destino do meu interior

Me abraço, me dou colo

Me aconchego com amor

Me entrego à luz do sol

É minha estrela a brilhar

Solto meu corpo na brisa

Balanço nas ondas do mar.

(Rosangela Barcellos)

 

Podemos entender a criança interior como a parte de nós que representa o que vivemos na infância, antes de sermos tolhidos, paralisados, por conceitos e preconceitos, pelo olhar da sociedade, pelas amarras e dores que todos nós experimentamos.

Desperte a criança interior e trará à tona a inocência ao encarar o mundo, a capacidade de admirar e de se alegrar até com as coisas mais simples. Sabe a criança que ama brincar com a caixa de papelão que embala o brinquedo caro?  Ou aquela que vai no carro da frente e ri da sua careta enquanto os pais aguardam o sinal de trânsito abrir?  A que se aborrece e logo esquece e perdoa o amiguinho pouco depois de levar uma mordida na escola? A que inventa uma cidade inteira, com os potes que a mãe possui na cozinha? Pois é!

 

Traga à tona a inocência ao encarar o mundo, a capacidade de admirar e de se alegrar até com as coisas mais simples.

 

Nem tudo é alegria e brincadeira

A criança que fui chora na estrada
Deixei-a ali quando vim ser quem sou
Mas hoje, vendo que o que sou é nada
Quero ir buscar quem fui, onde ficou.

(Fernando Pessoa)

 

A infância não nos traz apenas coisas positivas e que deixam lembranças boas. Você se lembra de algo muito desagradável que aconteceu quando ainda era uma criança? Uma fala, um gesto, um olhar agressivo? Ou de abandono? Ainda dói? Vem dessa fase da vida, muitas desilusões, feridas e traumas, que às vezes nem reconhecemos conscientemente. Mas eles estão lá, nos impedindo de viver uma vida plena, satisfatória e feliz.

Desperte a criança interior. Quando nos sentimos sem energia, tristes, pesados, quando não enxergamos sentido e leveza na existência, podemos estar negligenciando e sufocando nosso lado mais puro, a nossa parte que pode se conectar mais facilmente com Deus e com tudo à nossa volta: é a nossa criança que pede socorro e precisa ser cuidada, aconchegada em colo, se sentir amada.

 

Sintomas de que é preciso resgatar a criança interior

  • – Você se sente pesado, triste, com medo de tudo ou não vê graça em nada
  • – Leva tudo para o lado pessoal e sente a insegurança chegar quando recebe uma crítica
  • – Se fecha ou explode quando algo não acontece da maneira que esperava. Depois se arrepende
  • – Ainda tem sentimentos negativos quando se lembra de algo que aconteceu na infância
  • – Sente que deixa a desejar como mãe ou pai
  • – Perdeu o brilho nos olhos, o frio na barriga e o arrepio pelo corpo
  • – Não consegue pensar em seus pais de maneira amorosa e respeitosa
  • – É muito crítico consigo e com os outros
  • – Tenta agradar as pessoas de maneira exagerada e esquece de si
  • – Desconfia de tudo e de todos
  • – Sofreu abusos na infância
  • – Sente que a vida está estagnada e não sabe como mudar isso
  • – Sente-se sem criatividade e motivação

 

desperte_a_criança_interior

É a nossa criança interior que não permite que a nossa alma envelheça.

 

Desperte a criança interior e sinta-se renascer

Senhor,
Não permita que ninguém tire o brilho da minha Criança Interior porque ela é a Tua centelha.
É ela que sustenta meu caminhar e ama a todos incondicionalmente. Coloca Teus Anjos ao redor, é ela que guarda os segredos da simplicidade, da humildade, do amor desinteressado, da pureza, da leveza.
E conceda a todos que possam valorizar sua criança interna.
Amém.

(Rosiana Carvalho)

 

Muitos encaram a criança interior como uma parte boba, infantil, inconsequente e sem freios e, talvez por isso, desnecessária da personalidade. Acredite: ela é a essência, a que nos mostra quem realmente somos, a parte que nos direciona e indica o que é realmente importante para nós.

Mude a perspectiva, olhe com o coração aberto. Desperte a criança interior e aprenda a ouvir e a compreender o que ela tem a dizer, para encontrar o equilíbrio entre fazer, ter e o ser. Entre as obrigações e o prazer. Entre o racional e o emocional.

 

Desperte a criança interior e encontre novos caminhos e soluções

Crianças quando bem pequenas acreditam até no inacreditável: heróis e princesas, monstros, na palavra dos adultos. Não sentem medo até que sejam influenciadas por algo externo, pois ainda não têm a consciência do sofrimento. Evoluem a cada dia porque é natural fazê-lo. Caem diversas vezes, e se levantam, prontas para uma nova tentativa, quando estão aprendendo a andar, por exemplo. É desta forma que vivenciam experiências, descobrem novidades todos os dias, aprendem.

Até que esbarram na enxurrada de nãos. Não pode. Não faça. Você não é capaz. Não é seguro. Cuidado. Cuidado. Ei, cuidado!!

Aos poucos, nossa criança interior vai sendo tolhida, podada com a tesoura do medo e das inseguranças que, à princípio, são de outras pessoas. É por isso que é tão importante que nos conectemos novamente com ela – para que sejamos plenos, sem repetir padrões, e possamos ser incentivadores de outras pessoas.

 

desperte_a_criança_interior

Crianças quando bem pequenas acreditam até no inacreditável. Por isso que é tão importante que nos reconectemos com ela – para que sejamos plenos, criativos, e que possamos encorajar outras pessoas.

 

Desperte a criança interior. Como fazer isso?

Ela se julgava madura, mas era sempre vencida pela criança que habitava em seu coração. A ingenuidade em muitas vezes se fez a sabedoria na tomada de decisões. E foi assim que ela também tornou-se sábia.

(Carol Aleixo)

 

  1. Maravilhe-se! Permita-se e enxergue o lado bom das coisas. É um exercício. Quando a chuva começar a cair, em vez de pensar na roupa que seca no varal, lembre-se do jardim que vai florescer. Se possível, saia e se deixe molhar. Pode ser renovador.
  2. Valorize os momentos e se entregue às experiências. Viva o presente por inteiro. Tente se conectar verdadeiramente. Quantas vezes você não conseguiu desfrutar de um bom almoço ou de um passeio em família porque estava com a cabeça cheia de preocupações? Sua criança interior pede: relaxe. Aproveite. Sinta.
  3. Não deixe que seu “eu adulto” iniba ou desencoraje seus desejos mais profundos. Quando você escuta a sua criança interior, os sonhos parecem se tornar mais fortes e mais possíveis. É aquela coisa da verdadeira essência, lembra? Todo o seu ser vibra em maior intensidade e a energia é direcionada.
  4. Perdoe. Reconheça os problemas e traumas causados por outras pessoas, ou até por você. Entenda que é passado e que o perdão abre caminho para recomeços. Não é possível recomeçar e conquistar o novo, carregando tanta bagagem inútil. Aprenda a lição como um adulto, mas perdoe como uma criança. Se for preciso, busque ajuda para curar as feridas.
  5. Entenda que nem tudo é culpa ou responsabilidade sua. Crianças acreditam ou são levadas a acreditar que são culpadas por coisas que não são, nem de longe, responsabilidade delas. Um exemplo claro são as que acabam envolvidas nas brigas dos pais durante o processo de separação. Ou as que ouvem os responsáveis dizerem que estão tristes porque elas não fizeram algo que eles determinaram. Essa insegurança e o medo de decepcionar os outros podem continuar até a idade adulta, fazendo com que as pessoas acreditem que não são dignas de receberem amor e serem felizes.

 

Valorize os momentos e se entregue às experiências. Viva o presente por inteiro!

 

Adulto ou criança?

Ninguém merece ser só mais um bonitinho,

Nem transparecer, consciente, inconsequente,

Sem se preocupar em ser adulto ou criança.

O importante é ser você.

(Máscaras – Pitty)

 

A plenitude está no equilíbrio. É claro que todos precisamos amadurecer e as questões relacionadas aos cuidados, às preocupações, fazem parte da vida adulta. Mas não podemos esquecer que a criança continua aí, dentro, muitas vezes reprimida. Quando você resgata a sua criança interior, a acolhe, a reconhece, você não está dando espaço à infantilidade ou à falta de noção. Está se permitindo crescer e ser inteiro.

É a nossa criança interior que não permite que a nossa alma envelheça. Que grita para que você realize seus sonhos. Que brinca. Que se alegra. Desperte a criança interior que habita em você, perdoe o que precisa ser perdoado, peça perdão e desbloqueie o fluxo de energia, criatividade, alegria e plenitude. Conecte-se com a sua essência e mergulhe na fonte de amor e cura incondicionais.

 

desperte_a_criança_interior

Conecte-se com a sua essência e mergulhe na fonte de amor e cura incondicionais.

 

Quero abraçar minha criança interior. Como Cura Essencial pode me ajudar?

Podemos auxiliar você no processo de autoconhecimento, identificando traumas passados, ajudando a superá-los e a processar o perdão. Por meio de terapias, identificamos e removemos bloqueios (físicos, espirituais ou de outra natureza), facilitamos a caminhada até a percepção de sentimentos e motivações. Certamente, ao final, você estará pronto para ouvir, abraçar e viver em harmonia com a sua criança interior.

SOMOS ESPECIALISTAS
EM AJUDAR PESSOAS COMUNS A EXPANDIR A CONSCIÊNCIA
E MANIFESTAR TODO O SEU POTENCIAL.

CLIQUE NO BOTÃO ABAIXO
E GANHE UMA CONSULTA BÔNUS

Pin It on Pinterest

× PODEMOS TE AJUDAR?